28 de janeiro de 2013

Resenha: Anna e o Beijo Francês

Autora: Stephanie Perkins
Editora: Novo Conceito
Edição:  2011
Número de Paginas:  288


“Isto é tudo o que sei sobre a França: Madeline, Amélie e Moulin Rouge. A Torre Eiffel e o Arco do Triunfo também, embora eu não saiba qual a verdadeira função de nenhum dos dois. Napoleão, Maria Antonieta e vários reis chamados Louis. Também não estou certa do que eles fizeram, mas acho que tem alguma coisa a ver com a Revolução Francesa, que tem algo a ver com o Dia da Bastilha. O museu de arte chama-se Louvre, tem o formato de uma pirâmide, e a Mona Lisa vive lá junto com a estátua da mulher sem braços. E tem cafés e bistrôs — ou qualquer nome que eles dão a estes — em cada esquina... Não é que eu seja ingrata, quero dizer, é Paris. A Cidade Luz! A cidade mais romântica do mundo.” Anna Oliphant não está nada entusiasmada com a ideia de se mudar para Paris, já que seu pai, um famoso escritor norte-americano, decidiu enviá-la para um colégio interno na Cidade Luz. Anna prefere ficar em Atlanta, onde tem um bom emprego, uma melhor amiga fiel e um namoro prestes a acontecer. Mas, ao chegar a Paris, Anna conhece Étienne St. Clair, um rapaz inteligente, charmoso e bonito. Só que Etiénne, além de tudo, tem uma namorada... Anna e Etiénne se aproximam e as coisas ficam mais complicadas. Será que um ano inteiro de desencontros em Paris terminará com o esperado beijo francês? Ou certas coisas simplesmente não estão destinadas a acontecer? Stephanie Perkins escreveu um romance de estreia divertido, com personagens espirituosos que garantem dedos formigando e corações derretendo.



Anna Oliphant está na França a estudo forçada pelo pai (um famoso escritor americano de melodrama), terminará o colegial na cidade mais bonita do mundo, Paris. Longe da família, da melhor amiga Bridgette, e do quase namorado Toph. Banana, digo Anna, sente-se sozinha e deslocada em uma cultura totalmente diferente da sua. Em seu primeiro dia encontra refugio no grupo de amigos formado por Meredith, Josh, Rashimi e St. Clair, que se tornam seus também. Dos amigos, a pessoa que ela mais se aproxima é de St. Clair, por quem sente uma forte atração, mas infelizmente ele tem uma namorada. Por isso todos os momentos compartilhados são de pura tensão sexual. Ele é também seu guia turístico, ou tenta ser, já que Anna evita ao máximo se afeiçoar a cidade, talvez por pura pirraça, ou por ter medo de se apaixonar por ele.

O livro narrado em primeira pessoa possui uma ótima dinâmica. Divertido, tira boas risadas em vários momentos. As descrições dos costumes, cenários, e locações conhecidas em Paris são bem detalhadas, somando ao livro uma boa dose de conhecimento cultural e geográfico.

A história conta apenas o dia-a-dia de uma garota americana no exterior, vencendo seus medos e aflições, fazendo amigos, e se apaixonando. Mas a forma que a autora descreve tudo isso, é gostoso e envolvente.

Os personagens são bem construídos, estereotipados de forma que representem com verossimilhança os diferentes perfis de adolescentes, sem apelar ao clichê.

Stephanie Perkins criou um livro divertido e espirituoso. Leva o leitor a viver a vida de Anna Oliphant em Paris. Uma viagem apaixonante, custando apenas algumas paginas.

Nota:(3)






13 comentários:

  1. Oi Felipe :)
    Eu já ouvi falar muito em Ana e o Beijo Francês, mas nunca me interessei muito, pois é um gênero de livros que não me agrada muito... Já me indicaram muito, mas não pretendo ler ele.

    Beijos, Caroline
    Another Words
    http://anothersimplewords.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Carol esse livro é do tipo pra matar o tempo! É legal e tudo mais, mas também não é aquelas coisas!

      Excluir
  2. Esse livro é maravilhoso, bem girlie (que é o estilo que mais gosto!) hahahahaha.
    Beijo,
    Nic

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Nic, olha não é muito meu estilo, mas curti a leitura!
      Beijos!

      Excluir
  3. Ah, eu adorei o livro!! É um chick-lit do jeito que eu gosto!! haha :)
    Ainda bem que você curtiu mesmo não tendo amado a história!!

    ResponderExcluir
  4. Ah, esse livro é maravilhoso, muito gostosinho de ler. :)
    Acho que a parte da diversão encanta!

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  5. Vcs foram tagueados! Olhe no meu blog e veja as regras... deve responder a uma série de perguntas
    O objetivo é unir os blogueiros e conseguir mais seguidores.
    http://apanhadordelivros.blogspot.com.br/
    Topam? ;)

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bom?
    Não li esse livro, mas parecer ser bom pela sua resenha.
    Só tenho a dizer que to com vontade de ler para saber mas sobre a história.

    Território das garotas
    @territoriodg
    Bjss *-*
    Passa lá no blog?
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Esse tipo de livro não faz o meu estilo, mas essa autora é DEMAIS!!!
    Eu li esse livro em ebook e amei tanto que comprei o físico. A história não tem nada demais, porém é tão bem escrita que cativa.
    Beijos

    http://avidadeumabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir