30 de abril de 2013

Resenha: Qual é o seu Número?

Autor: Karyn Bosnak
Editora: Novo Conceito
Edição: 1/2011
Número de Paginas: 414

Delilah Darling tem quase 30 anos e já se relacionou com 19 rapazes. Sua vida sentimental não tem sido exatamente brilhante, pois todo cara que conhece parece fugir do relacionamento. Quando lê uma matéria no jornal em que a média de homens para uma mulher de 30 anos é de 10,5, fica desesperada e assustada por estar muito acima dela. Além de tudo, o artigo no jornal terminava falando que, se a mulher tivesse o número acima dessa média, seria impossível a pessoa certa. Na tentativa de não aumentar seu número e perder de vez a chance de se casar, Delilah sai à procura de seus antigos namorados e tenta reconquistá-los. Será que um deles estará disposto a esquecer o passado e começar uma linda história de amor? Qual Seu Número? revela os segredos de cada mulher e prova que, quando se trata de assuntos do coração, números são apenas uma fração de tempo.


Qual é o seu numero, é um livro que retrata de forma bem humorada as desventuras de uma mulher trintona. 

Narrada em primeira pessoa, a escrita da autora é dinâmica e harmoniosa. Desfavorecendo-se apenas na utilização de muitas notas de rodapé para explicar pensamentos, citações famosas, etc.


Cena do filme.
A construção dos personagens é bem feita, ressaltando o fato de que cada um preenche de forma positiva ou negativa a busca da protagonista pelos seus ideais. Mais ou menos como se fosse parte de um ensinamento.

O desfecho é na melhor forma clichê que se possa existir. A autora dá soluções obvias e até mesmo aceitáveis, devido ao gênero.

Achei o livro um pouco longo. A autora usou “n” paginas para descrever um simples acontecimento, em que em uma ou duas poderiam ser contados da mesma forma.

O livro foi adaptado para o cinema, não assisti, e nem sei se vou. Mas se você assistiu e curtiu e quer ler o livro, garanto muito humor e trapalhadas por parte da personagem principal. Ela é LOUCA! 

Nota: (4)


Nenhum comentário:

Postar um comentário