1 de janeiro de 2014

Resenha: O Diário de Carson Phillips

Autor: Chris Colfer
Editora: Benvirá
Edição: 2013
Número de Páginas: 232

Carson Phillips está - graças ao bom Deus - no último ano do colégio e prestes a realizar um dos maiores sonhos de sua vida: estudar jornalismo na Universidade de Northwestern e deixar a pequena cidade de Clover e sua família problemática para trás. Mas, para isso, precisa sobreviver ao último ano, parar de questionar a autoridade dos professores e do diretor e, o que é mais importante, convencer seus colegas a participar de uma revista literária, que ele acredita ser seu passe de entrada para a universidade. Como esperado, nenhum estudante - além de Malerie, sua fiel escudeira - se interessa em colaborar. E, já que ninguém vai por bem, Carson é obrigado a usar de meios um tanto reprováveis. Munido dos segredos obscuros dos alunos mais populares do colégio, Carson e Malerie iniciam uma caçada para conquistar colaboradores.


Após muito tempo sem postar resenha, estou de volta. Não posso garantir nada sobre a frequência, mas fico muito feliz de ter lido este livro e estar escrevendo esta resenha. Nas minha férias de inverno aqui nos EUA, eu e minha Host-Family fomos para Florida, ficamos em um hotel em frente a praia, muito relaxante. E o que é melhor do que um bom livro para ajudar a relaxar?

O Diário de Carson Phillips (em ingles: Struck By Lightning: The Carson Phillips Journal), é um livro "baseado" no filme. Digo "baseado" entre aspas porque logo depois de lançar o filme, o autor do roteiro, Chris Colfer, decidiu lançar a visão do personagem sobre os acontecimentos. O livro é um diário narrado em primeira pessoa, obviamente, onde Carson vai narrar seu dia-a-dia e o que vai ter que fazer para entrar na faculdade dos seus sonhos.

Assisti o filme no começo do ano passado (2013) e tenho que admitir que chorei demais. Se você assistiu ao filme e esta pensando que eu sou um idiota por ter chorado, está enganado. O personagem passa por dificuldades de adolescentes, e me relacionei com algumas delas, por isso me emocionei. O fato de Carson correr atras dos sonhos dele e passar por tudo que ele passou foi algo que eu admirei. E sim, se tornou um dos meus filmes favoritos.

Mas e o livro? Sim, se tornou um dos meus favoritos. Não chorei, mas curti cada pagina que lia. A semelhança entre o filme e o livro são gigantescas, apenas alguns detalhes a mais são acrescentados no livro o que não faz muita diferença (mas que eu adorei).

A escrita do Chris é muito boa, o personagem que ele construiu é sarcástico e não é aquele menino bonzinho que você vai se apaixonar, ele é aquele cara no colegial que você as vezes fala "oi" no corredor. Li o livro em inglês, então não sei como está a tradução, mas não é um livro difícil de entender.

Foi o livro perfeito para se ler nas férias. Me diverti lembrando do filme e adorei os acrescemos nos detalhes que o livro contem. Super recomendo como leitura de férias ou para qualquer outra época do ano, quem está no colegial vai realmente se identificar com o personagem em algum momento. Leia o livro e assista o filme (os atores são ótimos!).

Nota:(5)

Nenhum comentário:

Postar um comentário